Medicamentos e a Síndrome de Tourette

*Natália Raposo
Todo mundo sabe que para tratar o diabetes, usa-se insulina. Todo mundo sabe quais tratamentos são utilizados no combate ao câncer, ou mesmo ao HIV. E no caso da Síndrome de Tourette?
Quando eu li A Maldição de Tourette pela primeira vez, achei que a Risperidona fosse O Medicamento! Pensei que servisse para todos os portadores de ST e que funcionasse bem com todos, da mesma forma como funcionou (e funciona) com Giba, que mantém seus tiques controlados com o uso desse remédio há uns 15 anos. Conversando com Giba sobre tratamentos para ST, ele me disse que na época em que “descobriu” a Risperidona, teve esse mesmo pensamento que eu tive quando li o livro, achava que era a “cura”, a panaceia para todos os portadores de ST.
Mas não.
Hoje, eu e ele sabemos que ainda não existe para a Tourette um equivalente à insulina para o diabetes; não existe um medicamento que surta os mesmos efeitos em todos os portadores. O que me leva a pensar que apesar de as pesquisas terem avançado muito e de a ST ter, hoje, lugar de muito mais destaque na literatura neuropsiquiátrica do que há 20 anos, por exemplo, o que se sabe sobre o funcionamento da doença ainda é muito incipiente para as necessidades dos portadores de ST, no sentido de tornar a vida deles “normal”.
Depois que passei a pesquisar sobre Tourette, conheci gente que toma as mais diversas medicações. Vi gente que toma Haldol, Fluoxetina, a própria Risperidona, cloridrato de triexifenidil… A minha tia que anda tão à flor da pele toma Haldol quando está muito agitada, mas ela não faz tique nenhum. A minha amiga de faculdade que se sentia ansiosa e queria emagrecer toma Fluoxetina, e ela também não tem Tourette.
Ou seja,
Ainda hoje, os portadores de Tourette continuam sendo ratinhos de laboratório nas mãos dos médicos. A Risperidona que funciona tão bem com Giba pode fazer piorar os tiques de outra pessoa, por exemplo. Eu acho mesmo que os médicos ainda não sabem bem como se processa a ST dentro da cabeça (ainda que digam o contrário). Cérebro é coisa complicada e eu não engulo tão facilmente que me digam que pode ser simples decodificar essa caixinha de segredos.
Ontem, resolvi ler a bula da Risperidona. Nem Giba que toma essa droga há mais de uma década e que está satisfeito por ela ter cessado seus tiques sabia as indicações. 

“É um medicamento usado para tratar as assim chamadas psicoses. Isto significa que ele tem um efeito favorável sobre um certo número de transtornos relacionados ao pensamento, às emoções e/ou às atividades, tais como: confusão, alucinações, distúrbios da percepção (por exemplo, ouvir vozes de alguém que não está presente), desconfiança inabitual, isolamento da sociedade, ser excessivamente introvertido etc. […] também melhora a ansiedade, a tensão e o estado mental alterado por estes transtornos. […] é usado, também, em outras condições, especificamente para controlar os transtornos do comportamento tais como agressão verbal e física, desconfiança doentia, agitação e vagar em pessoas que perderam suas funções mentais (isto é, pessoas com demência). […] mania, caracterizada por sintomas como humor elevado, expansivo ou irritável, auto-estima aumentada, necessidade de sono reduzida, pressão para falar, pensamento acelerado, redução da atenção e concentração ou diminuição da capacidade de julgamento, incluindo comportamentos inadequados ou agressivos. […] também pode ser usado para o tratamento de irritabilidade associada ao transtorno autista, em crianças e adolescentes, incluindo sintomas de agressão a outros, auto-agressão deliberada, crises de raiva e angústia e mudança rápida de humor.”

Depois dessa, me questionei ainda mais sobre as questões de tratamento para ST. As bulas não trazem indicação para Síndrome de Tourette, em específico, porque seria irresponsável fazê-lo. Então, conversando com Daniela Torres, do Nossas Vidas com Tourette, perguntei quais são os remédios do filho dela. Ela me disse que ele toma Luvox e Topiramato e que eles são indicados para TOC, ansiedade e Tourette, apesar de o Tourette não estar na bula.
Como repórter não se conforma com a primeira resposta, fui checar a bula dos dois medicamentos. O Topiramato é indicado para pacientes com epilepsia recentemente diagnosticada e também para casos de Síndrome de Lennox-Gastaut. Pausa para explicação adicional: a Síndrome de Lennox é uma forma grave de epilepsia generalizada que geralmente acomete crianças, provocando atraso no desenvolvimento e alterações psicológicas e comportamentais. Já o Luvox é indicado para tratar depressão e transtorno obsessivo-compulsivo (TOC).
Resumo da ópera: muitos medicamentos administrados para portadores de ST são indicados para casos de epilepsia (acredito que por isso atuem no controle dos movimentos involuntários) ou antidepressivos que, controlando a agitação, diminuem (ou quase cessam) os tiques; mas daí eu me questiono se a pessoa não estaria sempre semi dopada e quais efeitos isso provocaria a longo prazo.

Fontes consultadas:
Síndrome de Lennox-Gastaut
Bula do Luvox
Bula do Topiramato
Risperidona

*Natália Raposo escreve sobre Síndrome de Tourette, às sextas. Nos outros dias da semana pode ser encontrada aqui, ali e acolá: Um Pouco de BossaDia de SopaCéu do Dia.

Anúncios

12 comentários

  1. Eu uso procimax e ajuda bastante, ele é usado em “tratamentos de conduta” não é tãão forte, foi o “melhor” até agora, ajudou inclusive com os distúrbios do sono. Não é “para tourette” assim como os outros também não são, mas diminuindo a ansiedade meus tics diminuem.
    Eu vivia a passar mal de tanto nervoso! Agora não sei mais o que é passar mal assim ufa!

    Curtir

  2. Olá Natália, achei super interessante sua materia de hoje, como nao tenho muito auxilio da familia, para encarar a ST eu resolvi procurar mais na internet e, descobri seu blog.
    Me achei na Síndrome de Lennox. Todos os sintomas descritos nela eu tenho :s nao vou dar uma de sabiçhao e enquadra-me nela. Primeiro procurarei ajuda médica e perguntarei todos os detalhes possíveis para o especíalista e depois, pedirei uma ressonancia ou uma tomografia, como diz no seu texto.
    Ahh eu sou epilético convulsivo, embora nunca tenha tido em grau tao avulsado.
    graças a vcs eu stou sendo mais completo hoje. Obrigada por isso.

    Carlos Henrique!!!

    Curtir

  3. Adorei sua matéria !!!Muito clara e objetiva. Admiro muito sua dedicação, seu interesse em pesquisar sobre o assunto, mesmo sem ter a ST.
    Eu particularmente, como mãe, agradeço sua contribuição .
    Maria Elenise

    Curtir

  4. desde os 11 anos sofro com isso e diria que a principal consequencia é não conseguir trabalhar pelo menos estou já um tempão desempregado e sem coragem para aceitar algo devido a minha síndrome de tourette que piora e muito quando tenho coisas pra fazer, metar a cumprir, responsabilidades aumentadas, tarefas que tem que cumprir,enfim… ref.a medicamentos tomo orap 1 mg e estou gordo demais devido a esse medicamento que engorda… enfim… espero ter ajudado com alguma informação útil… abraço a todos e que Deus nos abençôe sempre…
    e para aposentar em ? alguém sabe se aposenta ?

    Curtir

  5. Olá, tenho Síndrome de Tourette desde criança, mas a 25 anos a traz acho q ninguém tratava tic nervoso como diziam, então há mais ou menos cinco anos venho tentando encontrar junto com meu médico o remédio certo. Já tomei Lexapro por quase 1 ano, mas não resultou em absolutamente nada, parei um tempo e depois comecei a tomar por conta para emagrecer o Desobesi, e fiquei sem nenhum tic, foi ótimo pra isso, mas meu médico disse q esse medicamento não é o melhor indicado pq é para obesidade, etc, agora estou no Paroxetina, estou no primeiro mês e ainda não dá p falar sobre ele, ufa vamos lá muita paciência, boa sorte a todos nós.

    Curtir

  6. Tenho ST, começou quando criança e agora resolvi tratar, tomo risperidona e topiramato, melhorou um pouco, mas ainda não é o suficiente, estou a procura de um medicamento mais eficiente que reduza ainda mais os tics, sucesso p todos no tratamento do tourette.

    Curtir

  7. Bom Dia!
    Tenho um filho de 6 anos que foi diagnosticado com a Síndrome de Tourette, ele estava apresentando 8 tiques diferentes ao mesmo tempo, com a ajuda de tratamento psico e neuropediatra, iniciou o medicamento HADOL controlando e diminuindo os tiques, mas, já ouvi falar que este medicamento é ultrapassado e existem medicamentos melhores, que poderiam ser mais indicados e favorecer na atenção do mesmo…. por gentileza gostaria de alguns nomes de medicamento para levar ate o medico e ver se não seriam melhores… ultimamente ele anda nervoso, irritado e girando muito, não sei o certo como lhe dar com isso…. Ele é muito inteligente, se cobra muito e carinhoso, atencioso, mas está em crise… o que devo fazer????
    Grata
    Aguardo resposta urgênte!
    de uma mãe precisada de apoio….

    Curtir

  8. Não tome ritalina sem orientaça médica, este medicamento é contra indicado para a síndrome de tourette por agravar os sintomas….espero ter ajudado, abraços!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s