Proseando na chuva noturna

É feriado de São João. Optamos, eu e minha esposa, por não saimosr. A velha pizza no forno, uns seriados no netflix.

Agora já é de madrugada, e todos dormem. Inclusive minha esposa.

Chove bastante, acho que está caindo um dilúvio. Estou sem sono portanto resolvi postar.

Penso muito no futuro…

Tudo é tão incerto.

Incerto como a previsão de que esta chuva acabe…

A madrugada vai adentrando, eu sinto as vibrações do silêncio absoluto. Sinto uma respiração, ouço a chuva.

O que vale mesmo é o presente. E no exato presente me encontro bem. Moro num bom bairro, tranquilo e aprazível.

Charmoso por assim dizer.

Silencioso, como é silencioso…

Sempre quando acordo cedo e vou passear com o meu cachorro (filho), fico observando o verde de uma rua completamente arborizada.

Tão arborizada que todo mês a prefeitura vem fazer a poda dos galhos.

Isso já é rotina.

Estou muito feliz. Sereno, cheio de expectativas é bem certo, mas quem não as tem?

Sou da paz, só transmito o paz e amor. Sou um cara correto e tento sempre evoluir.

E eu acho que a chuva deu uma pequena trégua…

Já não ouço o seu barulho torrencial.

Fica aqui um dedo de prosa para vocês que presumo já estarem dormindo.

Portanto ao acordarem, que leiam este registro.

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s