Militância em alta! S.T.!

Caros leitores, o blog estava em fase remodelagem, para que sempre fique com uma nova roupagem, essa é a minha política quanto à questão de estética. E hoje, oficialmente, ele volta ao ar. Obviamente que falarei de Tourette, pois escrevo crônicas interessantes, mas nunca posso esquecer a minha militância.

Fui convidado para dar uma palestra na Universidade UNINASSAU, para alunos de psicologia do sexto ao oitavo períodos.

O convite partiu ontem de manhã, e a palestra seria hoje. 

OK!

PREPARADO!

Levei exemplares para sortear no final, do meu clássico livro: “A maldição de Tourette“, e ainda dois exemplares: “Universo Submerso“, meu primeiro romance, publicado em 2001, e “Gilles“, meu sexto livro, publicado em abril desse ano, o primeiro com o meu selo independente ENGEDRON LITERATUS. “Gilles” é o infanto juvenil para adolescentes de 12 a 15 anos. Porém pode ser lido por crianças de 10 anos, ou contada de forma carinhosa pelas mamães para crianças menores. Todos vão captar mensagens diferentes, mas vão captar mensagens edificantes de respeito, amizade, amor, honra, voltado ao preconceito, com ênfase na S.T.!

É uma estória fantástica com capa e desenhos do grande artista plástico João Blas.

Me preparei de noite, acordei cedo hoje, relaxei, peguei uma caneta e um papel, e coloquei todos os tópicos que iria falar.

Uma hora antes de virem me buscar.

Tudo foi documentado em vídeo.

Bem, conheço demais universitários, porque fui também um, e sei que eles querem conhecimento.

E me apresentei e fui falando de todos os tópicos que eu queria falar, inclusive de temas mais complexos como a nossa militância, que está conectada em todo o Brasil, nesse mundo maluco, virtualiazado, onde somos agora uma verdadeira Aldeia Global!

Familiares e portadores esperam uma lei que nos aposente.

Não somos nem cotistas?

Bem, depois iniciei uma série de perguntas e respostas, e finalizei a palestra, para começar o sorteio dos livros.

Vou falar: fui aplaudido de pé por mais de 70 estudantes que precisavam de conhecimento, e eu os ofrertei. Só não levei impresso o MANIFESTO DOS PORTADORES DA SÍNDROME DE TOURETTE, por um lapso de esquecimento. Talvez esse seja o documento mais importante que escrevi sobre a nossa situação.

Sem problemas, já está no email da Professora Cláudia Bem, Ipsi Literis, a professora que me fez o convite, e ainda me concedeu duas horas para eu poder ofertar o conhecimento da nossa doença, que é rara.

Ele encontra-se no Youtube, aliás, vários vídeos meus etão espalhados no Youtube, uns já ultrapassados mas sempre com conteúdo edificante. A tecnologia voa na velocidade de um raio, portanto algumas coisas acabam perdendo um pouo o foco, dede a técnica de gravação utilizada, o momento, a qualidde das imagens, enfim, todos os vídeos são edificantes.

Até nas doenças assessórias como Déficit de Atenção, Ansiedade Generalizada, TOC ( em mim é horrível ), e todos os outros transtornos associados neste verdadeiro pacote de grego, falei. Mostrando o quanto a doença e é danosa, e leva o portador ao isolamento social.

Como sabem, depois de passar mais de dez anos militando virtualmente, em grupos privados de portadores e familiares, absorvi e entendi tudo ( todos desarticulados ), e, corajosamente, resolvi definitivamente puxar a responsabilidade para mim.

Os outros contribuem, mas entendi que eu sozinho poderia fazer melhor, por isso essa decisão, por isso a página: TOURETTE: POR GIBA CARVALHEIRA!

Me orgulho em te quase 500 seguidores. E de uma doença tão rara.

Agora, sabe, minha agenda amanhã é interna, estou saboreando novamente digitar no meu amado laptop, ouvindo uma trilha dos anos 70.

A Cláudia Bem, é uma professora diferenciada e logo percebi. Porque ela oferta conhecimento aos seus alunos, como todos os professores deveriam fazer, e muitos não fazem, acreditem nisso. Ela abriu um leque imenso e eu DIFUNDI para um exército fantástico que acabou de se juntar a nós.

Queremos uma lei que nos aposente! Que nos beneficie de alguma maneira. E o fim do monopólio da doença, que está nas mãos de no máximo 3 a 5 profissionais psiquiátricos no Brasil.

DIFUNDIR! 

Eu fiz isso dignamente, com as pessoas certas: alunos super preparados que irão se inserir no mercado.

É a nova geração que assume agora o comando.

Estou de alma lavada.

Acreditem, muitos TCCs vão surgir, porque universitários fazem xérox, e distribuem aos outros, imediatamente viralizando.

E a pasta dos anos 70 tocando, sem hora para dormir, orgulhoso e sabedor da minha doação voluntária, pois é minha missão aqui, pois sou um sobrevivente!

Duas Pancreatites e três Depressões profundas!

VIVO, 47 ANOS, PRODUZINDO E DIDUNDINDO!

Faz parte da essência pura que existe dentro de mim…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s