A vida e seus desdobramentos

Ando pensando sobre tudo o que tem acontecido à minha volta. De fato não estamos sós, o Universo é infinito, e sei demais das suas míltiplas possibilidades de vida.

Mas o fato de eu ter despertado para isso não foi por mero “achismo.”. Foram bastantes leituras, me aprofundei muito sobre o assunto.

Mas a verdade é que eu sou minoria… “senpre” fui minoria.

A cada ano que passa vejo o quanto a vida é breve, e essa brevidade está cada vez mais, me levando ao fim.

Mas nada me assusta.

Na verdade, não tenho medo de nada!

O que tiver que ser, será, oras!

Tenho muitos planos ainda por aqui, mas definitivamente sei que,  não posso, em hipótese alguma, desistir de ter um resto de tempo para poder difundir minhas idéias.

Ainda posso difundir muito, mas muito mesmo.

E minhas idéias estão no meu trabalho, está na sabedoria de que tenho certas habilidades a meu favor.

Portanto uso-as!

E assim, sem arrogância nem prepotência, terei a certeza de que estou plantando a semente que germinará um espectro vegetal no futuro.

Assim Seja!

Anúncios

2 comentários

  1. Olha eu aqui outra vez…

    Bom dia nobre e queridíssimo amigo, sim a mais pura verdade. Não estamos sós!!!!!!!
    Aliás, só está aquele q pensa o contrário. O universo é enorme e seria se apequenar pensar q nessa imensa vastidão, fossemos soberanos.

    Quanto ao ser minoria, já dizia Nelson Rodrigues q toda unanimidade é burra. Portanto, sinta-se feliz por isso e, para confirmar seu pensamento da brevidade da vida, cito aqui parte de uma letra da música do saudoso e inesquecível poeta, Cazuza.

    “Vida louca vida
    Vida breve
    Já que eu não posso te levar
    Quero que você me leve
    Vida louca vida
    Vida imensa
    Ninguém vai nos perdoar
    Nosso crime não compensa”.

    Acompanho seus projetos de perto, sempre o fiz com muita atenção e sempre o farei.

    “Cara”, vc vai longe!!!!!

    Curtir

  2. Muitíssimo satisfeita, orgulhosa e gratificada por vê-lo, qual Fênix, renascer das cinzas!
    Como e por quanto tempo esperei por esse momento!
    O meu Giba, o Giba que eu vi nascer, crescer, sonhar e se desiludir, finalmente reencontrou o seu caminho.
    Parabéns, meu filho querido, que Deus continue a abençoá-lo e a protegê -lo, SEMPRE!
    Neste dia, sou pura gratidão.
    Beijos,
    Mainha.

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s