O tal do Quociente de Inteligência

Estão vendo aqui, os da minha geração sabem que foi um brinquedo que simplesmente viralizou.

E todos tentavam de todas a formas, o montá-lo corretamente.

Eu nunca consegui na minha vida, fazer sequer duas linhas certas, como também não entendo nenhum gráfico e ainda só decorei no ensino fundamental que: força = massa x aceleração.

E nem sei mais nem calcular, nem conta de padaria sei fazer?

Descobri com o tempo que eu tinha deficiência em Álgebra, pelo meu Transtorno Neuropsiquiátrico, a síndrome e Tourette.

A causas da minha vida, ao qual MILITO!

Portanto este texto irá imediatamente para a minha página: TOURETTE: POR GIBA CARVALHEIRA

E mais, não estou fazendo propaganda nenhuma, pois é um trabalho voluntário que faço, por vezes conversando até às duas da manhã. com uma mãe desesperada.

Eu sei o que é a dor, duvidam?

Porque depois de 4 anos de participações pífias em “grupos de apoio” virtuais, entendi, que sozinho, fazia melhor, porque realmente ninguém entendia nada mesmo do que eu queria que eles entendessem…

PORTANTO PUXEI A MILITÂNCIA PARA MIM!

E nesta página estão Neurologistas, Psiquiatras, Psicólogos, muitos, mais muitos alunos, além de outras doenças assessórias como Autismo, Asperger, e claro, portadores e familiares.

Interessados em geral.

Uma doença tão rara?

Ultrapassou mais de 500 curtidas?

Só hoje já foram mais dois.

Mas eu não estou esquecido do “cubo mágico.”.

Uma única pessoa do universo, que eu conheci, por ser filho de um velejador experiente, que optou por viver a sua vida conhecendo o mundo, com sua família, evidentemente tudo programado antecipadamente, o estudo dos filhos, que reforço, na época não havia internet, muito menos cursos online.

Eles viajavam o mundo, e éramos sócios do Cabanga, um Cube de Velas aqui do Recife, além de outros eventos da alta sociedade.

Meu berço?

Não escolhi?

Portanto, esta mente privilegiada, que na época fazia seus estudos, via provas programadas, em papel, uma cartilha de orientação ao lado.

Computador???

Jamais!

Mas o cara depois de eu dar uma misturada muito complicada, ele montou em um minuto e meio.

Um gênio!

Mas vamos ao título do post, que poderíamos resumir como QI.

Uma vez em conversa formal entre amigos, a pauta foi essa do QI, e eu expliquei minhas deficiências. Imediatamente uma pessoa menos próxima a mim, me veio e disse: é porque você é burro!

OK!

Mas agora eu vou questionar: e criatividade artística, abstrações e neologismos, o “clic” do Artístico, a CRIATIVIDADE entra nesse critério?

Aquele cara que montou o “cubo mágico” em um minuto e meio na minha frente, está preparado para entender o que eu por ventura queira escrever, só para ele me mostrar que consegue?

Eu sei até inventar palavras que o deixará confuso do porque de ele não ter aprendido essa matéria, e é na tora, sem o Google.

Tenho certeza que não.

Pois até uma pessoa que conheço, que o seu hobbie é estudar línguas, todas as tradicionais, já com o título máximo de Italiano e em estudos avançados de Hebraico, nunca na vida conseguiu entender o que eu escrevo.

É cega.

Talvez eu esteja errado?

Eu quis dizer uma coisa que eu achasse que todos aqui me entenderiam, mas cada um entendeu de forma diferente mesmo?

Aí eu fui à nocaute! Assim Seja! Amém!

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s