A tal da MENDICÂNCIA AFETIVA

Vamos lá, já passou a hora da música Clássica, estou curtindo o belo e adorável New Rock. Descobrindo novas Bandas, vendo outras que gosto e conheço, neste contexto musical.

Queria cores, salvei esta imagem com a palavra: “color.”.

E pesquei para colocar moldura no meu Post, pois isso é padrão, assim como também é padrão as filosofias da contemplação, o INTROSPECTIVO, é a melhor essência do saber.

Muitas vezes somos vitimados por MENDICÂNCIA AFETIVA, SÍNDROME DE ESTOCOLMO, FÚRIA VISCERAL, por mentes manipuladoras mas facilmente vencíveis.

Mas mentes privilegiadas são vitimadas por essas mentes pequenas, mas malévolas. Isso é o conceito paradoxal, da violência psicológica, aquela que sentimos no tom de voz ao falar ao telefone.

E digo: para os íntimos.

Não é no lar e no núcleo de “amigos” onde somos vitimados de todas as mazelas possíveis, atacados 24 horas por maldade, a mente não descansa, não tem paz.

MENDICÂNCIA AFETIVA!!!

Esse é um sentimentosznho que já tive, e que me desconstruiu por completo. Eu fui à nocaute, por essa simbólica bondade que a vida traz para as pessoas, às vezes.

Vencê-la, um desafio difícil…

E o tempo passa, somos aconselhados e orientados, mas na MENDICÂNCIA AFETIVA, na verdade a pessoa está desorientada para saber que tipo de conselho foi dado, se veio do bem ou do mal.

Porque descobrimos coisas horríveis com o passar dos tempos…é incrível, mas se eu fechar os olhos, eu consigo me ver com a personalidade dos meus 20 anos.

Era forte.

E depois posso viajar no tempo da minha vida, e mergulhar nos 36, pow, para quem tem 48 anos, isso é idade pequena.

Mas…

Nos 36 o senhor estava perdido na MENDICÂNCIA AFETIVA…

E foi até depois dos 41.

5 anos vitimado pela MENDICÂNCIA AFETIVA.

Como eu ouvi esta palavra do último Psicólogo que me atendeu.

Mas ele vinha me atender em casa, e eu com uma garrafa de plástico, teoricamente com água dentro, mas na verdade era vodca. E ouvia várias vezes essa palavra, mas minha viagem era bater papo com ele, subversivo, aceitou uma hora, duas vezes por semana, pelo telefone, em troca de uma presencial de 50 minutos.

Daí a coisa ficava mais fácil. Com o ar condicionado ligado, eu já me preparava para ligar no horário marcado. Evidentemente mais elegante, pois antes disso, já havia tomado 6 latinhas de cerveja, e durante a uma hora de conversa, eu matava as outras 6.

Era do CARALHO.

Pois bater papo com aquele cara era surreal!!!

Mas…

Ele bateu nesta tecla inúmeras vezes, a tecla da minha MENDICÂNCIA AFETIVA.

E lógico, depois que eu fiz o  meu INVENTÁRIO MORAL, eu detectei exatamente em que momento da minha vida ela apareceu, e como se foi…se foi como um alívio…com uma nova oportunidade.

Me agarrei a esta oportunidade, lembro-me, e daí, acabou a tal da MENDICÂNCIA AFETIVA.

O que me incomoda é que vejo queridos preso a este tremendo MAL, e de fato tento tirá-los, mas agora está impossível!

Portanto?

Viva sua vida…sua solidão da madrugada…seu despertar do amanhecer…suas 48 horas viradas sem dormir…até porque você não tomou aquele comprimido…o bem pequeno, que se perder, não adianta procurar, não acha!

E dai pega com cuidado outro, e resolve tomar logo dois. Sim querido antipsicótico, não vou falar o seu nome, mas o seu codinome, em homenagem ao ídolo máximo Cazuza: “Mata Leão.”.

E às vezes se não tomar cuidado, a urina escorre pela bermuda elegante, colocada para quando acordasse, só molhar o cabelo, e partir para a luta…mas você acabou tendo que trocar de bermuda, tomar um banho gelado de meia hora, uma garrafa de café forte, diversos cigarros, e a cabeça ainda grogue para o compromisso que terá!

Ok, pega teu transporte, pede para o motorista colocar uma rádio suave, às vezes evangélica, e vai curando suas tonturas no caminho. E se na presencial ainda estiveres grogue, bem…

VIRE-SE!!!

E assim eu vou me virando, mas sem este mal!

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s