O cósmico da ÁRVORE QUE GERMINOU…frutos.

Nada mais natural que estar com o volume máximo, ouvindo, na calada da madrugada, já fiz todos os testes com a vizinhança, o volume 100 da minha TV não incomoda lá fora.

Porém o delírio agora é de seu Stravinsky, que chegou no pico da música “A Sagração da Primavera”, sim, e o nosso Zubin Mehta como regente.

Ele é universal.

Todos os citados, nomes de pessoas e músicas, já estão imortalizados nesse nosso mundo de gerações executando o que foi feito há dois séculos atrás, ou um, ou até no SEGUNDO MINÊNIUM, COMEÇO.

Mas agora relaxei…só quero isso…brisa…estou nela…apesar a eufórica sinfonia invadir a minha audição intuitiva.

É hora de flertar?

Na madrugada se flerta também, oras…

Talvez não seja o momento, é mais gostoso ouvir esse cara mesmo, porque na brisa não se quer muito calor.

É coisa leve, suave, olha, a música até tranquilizou um pouquinho?

Como disse, apenas a minha audição intuitiva…

Achei!

O mote!

Sim, eu sou só, mas na verdade não sou.

Tenho uma família raiz de 18 pessoas, fora minha esposa e meu filho Bruce. Não posso esquecer da minha amada família do outro lado…muito amor e respeito mútuo.

Mas de fato eu não sei me relacionar bem, hoje, com todas essas pessoas. O Bruce, tão intuitivo, agora me esqueceu, quando dei um silêncio nele, ao passar três dias sem passear com ele.

Bem, mas anteontem ele resolveu dar um pulo, ao ver o sol raiar, e eu cosmicamente, psicodelicamente, com a aura de néon, resolvi descer as escadas do meu condomínio, na certeza de que eu não veria ninguém.

Porque isso?

Vamos para que lado?

Olhamos para que olhos?

Flertamos com quem?

A falta de empatia…a falta da nova realidade abstêmica, que me cegou até os 41 anos de idade?

Terça feira, eu receberei a minha ficha de 1 ano sem beber no AA. Já quebrei meu anonimato há tempos, e sempre olhava para as pessoas que recebiam essas fichas de um ano, pois conseguia três meses, recaía, sumia, voltava, o Poder Superior finalmente encarnou, as recaídas foram diminuindo, e 2018 fou o ano do triunfo!

Agora eu quero esta ficha, e terá um bolo, minha esposa, o representante do meu melhor amigo, seu filho caçula e minha mãe.

Sim, quero todos lá, e terá um grande bolo!!!

Zubin Mehta continua, mas eu continuo…SÓBRIO…

Os 12 Passos! A FILOSOFIA!!!

A GUIA!

UM DIA DE CADA VEZ…

Acho que hoje, o Bruce vai passear do jeito que ele gosta, com o dia clareando…

Igualmente do jeito que eu gosto.

Anúncios

Um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s