Os “meus”

Na natureza, para as condições se concretizarem em realizações importantes nas nossas vidas, é preciso de lisura.

Isso quer dizer: respeito para com o seu semelhante.

A família tem que estar sempre unida, sempre sabedora de que seu próximo é os “seus”, e quando não acontece isso, existe o desrespeito.

Mas as formas de se ver a vida com AMOR E SIMPLICIDADE, são as melhores possíveis.

Gosto muito quando anoitece, acho que todas as fases da Lua passa no meu ciclo durante o dia, para então se poder tirar proveito dos seus frutos, à noite.

Estou totalmente à vontade. Não poderia estar melhor, pois Schumann toca no volume máximo, e meus auditivos estão em êxtase.

Ser erudito não é para qualquer um.

E isso não é falsa modéstia…eu SOU ERUDITO!

Sei até o volume que se deve colocar a música necessária a ser tocada em cada momento para mim?

As Luas vermelhas choram por clemência, como alguém que diz: me arruma um emprego?

O desemprego de fato é uma situação desastrosa.

Ele passa longe de mim?

Bem, os “meus” sabem bem.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s