Quinteto com piano

O segredo de tudo está na indubitável possibilidade de se estar só?

A solidão noturna…

Não importa quantas e quantas mais vezes, eu ecoe as minhas possibilidades do ser e do não ser.

Isso é uma ampla e profunda meditação de profundo conhecimento interior, portanto o termo é plurissignificativo!

Mas antes das minhas palalavra ditas e registradas, verbalizo em alto e bom som, que A NECESSIDADE DE SE ESTAR ILUMINADO PELA RAFEXÃO, acalenta os ânimos alucinados pela luxúria.

Tenho as Tentações de Cristo estigmatizadas em meu sangue, purificado pelo cálice, santificado pelo Papa.

E a liberdade sacra, envolve o meu sangue diluindo as necessidades de engradecimento interior, oras “Tche”, és GRANDE!

Suavemente, daqui fica a a imagem sacra de um anjo com asas coloridas.

Eternamente sei, e sei eu…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s