A parábola do inquilino

Elementear meu caro inquilino, eu devo as prestações, todas elas, mas você reclama demais.

Já estou oferecendo uma forma de pagar estas parcelas, mas você não aceita?

Você já entrou na minha (sua) casa, portanto venha, sente-se comigo?

Pare de reclamar que eu sou deverdor, não adianta, a crise está para todos, só estou devendo duas parcelas?

Bem, o fiador está quebrado, vou fazer o seguinte: dar um telefonema para o meu irmão, pedindo um HELP!!!

Um minuto, por gentileza…

Pronto!!!

Resolvido, acabou de fazer um TED para o senhor.

Tudo certo?

Não te devo mais nada.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s