O falso sorriso da flor

É bem certo que não vou dizer, que a esperança mora aqui, bem do lado de quem quer entender.

Pois entendo o quanto vale o sacrifício quando fere o amor.

E essa lança enfervecida só machuca e ignora o prazer.

E o falso sorriso da flor, te mil faces contornadas exploradas num horizonte amargo.

E despreza a tentativa da felicidade plena e sem dor.

Transformando o homem puro em migalhas espalhadas, vagas.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s