O discurso do ódio

Wherter
CODO

Mesmo, que tua tristeza pudesse sucumbir, o meu desejo de te dar prazer, fecho os olhos para te ver melhor, nas trevas encobertas da solidão.

Indiferente ao caos que se transformou o mundo, aqui no Brasil parece-me que as coisas estão tomando proporções inimagináveis.

Um mundo à mercê de um “messias”, que levou uma facada para salvar o país, que quebrou o isolamento poque ele detém a cura, que vai salvar o Brasil e o mundo.

Porque ele é o messias.

Vai nos salvar da praga, vai nos trazer a cura.

Aglomerações populares na frente dos quartéis no dia do Exército.

O povo pede um novo AI5, pedem intervenção militar, e me parece que a coisa está tomando proporções inimagináveis.

Amigos de colégio dizendo que vão lutar pelo país, mas essa luta é justamente pela volta do militarismo.

A consciência coletiva perdeu a memória de tudo o que estudaram, as lições foram parar no ralo.

Eu tenho minhas severas restrições, eu tenho os meus medos, mas eu possuo o dom da argumentação escrita, e acho, ainda, que é democrática.

Ou vou acreditar que o que faço seja crime?

Nunca!!!

Jamai, nunca entregarei o meu raciocínio a nenhuma censura!!!

Eu grito e clamo por uma situação mais amena, sou apocalíptico, eu vejo fantasmas ao meu lado, todos os dias ao acordar de um pesadelo.

Tem sido dias difíceis, muito difíceis.

Mas não vou deixar de dar os meus passos, poderão ser passos falsos, por um mundo com pouca poesia, por um mundo cheio de caoticidade.

Eu vejo, eu vejo o demônio em proporções gigantescas.

Saúde, saluto à todos os que estão me lendo agora.

Eu faço um brinde imaginário, virtual e sincero!!!

Que Deus esteja conosco.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s