Tradições de uniões

Os sinais estão evidentes, não é possível mais esperar sem que se tenha a certeza de que tudo está invariavelmente destruído.

As lembranças dos tempos que se foram, as músicas não rolam mais.

Independente do fardo, estar para sempre ao lado da fé, não atribui às pessoas, a imaculada angústia da solidão.

Somos e seremos todos para sempre.

Um todo por assim dizer.

O tempo passa para todos, mas a eternidade também é para todos.

Tempos vindouros são esperados como o reflexo da angustiante noção de companheirismo incondicional.

O fundamento da esperança é o sinal benéfico do bem atuando no bem estar comum.

Faremos todos uma oração pela permanência de vidas entrelaçadas, pois elas completam os ciclos divinos, tamanha divindade a quem se atribui.

Permaneço no ritual social, sou o conduto da blasfêmia, pulo a cerca da misericórdia.

Por tudo e por todos, finco aqui o meu objetivo de permanência, pois o atributo dela, é a refinada conclusão do meu sentir.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s