Sons e ruídos

Sons e ruídos por entre as paredes e portas.

Já se foi o tempo em que possuía privacidade onde eu estou agora, teclando e escutando sons e ruídos, que vem de fora sempre, de um lado e de outro.

Meus ouvidos de músico colaboram para que eu não tenha paz, é de fato muito difícil conseguir me guiar por entre sons que rasgam meus tímpanos nas trevas da escuridão.

Os espectros fazem a sua parte na ensurdecedora epopéia para me deixar perturbado, enlouquecido e histérico.

Em estado de histeria, totalmente.

A culpa não é da minha vizinhança, pois escuto correntes se arrastarem também, sinto a enfervescência do meu espírito a cada ruído que eu engulo.

Estou completamente embutido no desejo de possuir e ter paz, quero demais essa danada que é o estado de felicidade.

Desejo sim, um pouco mais de articulação dos meus ouvidos com os ruídos, as correntes, o barulho entre portas.

Para aí sim, poder tomar umas doses de ansiolítico, e desfrutar da tão sonhada paz.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s