Divina flor de lótus

O pecado destemido da maldade humana, nada mais é que o contraponto fundamental para que os elementos da verdade estejam postos no tabuleiro.

Se peca por diversas coisas.

A cobiça, desejar a fortuna do próximo, entendendo-se a fortuna como tudo de bom que esteja caminhando para a vitória do ser humano.

E este vitorioso se depara com um indivíduo que cobice o que tanto triunfou, é pecado de segundo grau.

Muito se fala sobre os dissabores do mesquinho que cobiçou a mulher do proximo, e de repente ele está completamente comprometido com os seus.

E mesmo assim deseja penetrar em um universo que não lhe pertence.

Um raro momento para a reflexão.

Vivi mutos anos embriagado pela falsidade alheia, foi muito cruel lidar com isso depois de maduro.

Certo que sei demais como foi que tudo aconteceu, e quero aqui buscar as razões para tamanho desconforto proporcionado.

Aqui deixo o registro de um verdadeiro sonhador, que inclusive nunca sonhou com a maldade, nem nunca esperou a sua face cruel.

Para todos, um forte abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s