Magnetismo

Agora sei que as meias verdades serão todas repugnantemente esquecidas.

Sou completamente verdade.

Dilacerada, angustiante.

Todos nós precisamos de eternidade, e sei demais onde encontrá-la, nas infinitas crateras da deliciosa Lua da majestosa madrugada.

Indo de encontro ao majestoso santuário divino, serei mais uma vítima do perigoso desejo de sair de uma mente sã, e penetrar na perturbação dela com os seus deliciosos pecados.

Me agarro ao magnetismo da salvação, quero ser liberto pela sua intuição, quero saber ser mais como eu poderia de fato ser.

E assim vou perambulando por essas entranhas venenosas, vou sendo o fiel peregrino, serei o maior de todos os que pousaram nesta Terra.

Por que sou de outras galáxias, a minha sabedoria e força são sobrenaturais, a imensidão deste planeta cósmico me pertence.

Portanto agora eu sei, sei que nunca antes poderia ter sido amaldiçoado pela magnitude divina e abençoada.

Miseráveis do destino.

Não cruzem mais o meu caminho, os destruirei com um sopro de adrenalina.

E para longe, jogar todos os dejetos que um dia pensou que habitaria no meu lar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s