O “eu” de múltiplas bandeiras

Foto por David Alberto Carmona Coto em Pexels.com

Poucas palavras poderiam ser dóceis aos meus ouvidos.

Tenho escutado correntes ao raiar do dia, tenho acordado escutando vozes.

A minha carência do desamparo está cada vez mais latente.

Insinuo uma manifestação de tentativas, mas de fato nada neste mundo é tão complicado como vencer financeiramente na vida.

Para alguns pode ser fácil, mas vejo imensa dificuldade nisso.

Dentro de uma tentativa a mais para mostrar que é possível, me vejo aos prantos levando adiante meu sonho capitalista.

Porém a raiz de tudo é socialista.

Preciso dividir o conhecimento das experiências de vida.

Este post não é político, apenas uma catarse dos meus fundamentos teóricos sobre a vida e a sobrevivência.

Vou de alguma forma sobeviver, e sei demais que isso será uma dissonante no meu cotidiano particular.

Bem vindo vida capitalista, o eu socialista, espera por você.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s