Um pensamento touréttico

Foto por meo em Pexels.com

Quando eu dizia que a minha vida deveria se comparada com um meme vagabundo, ninguém acreditava.

Hoje sou de fato uma figura muito sólida no meu dia a dia.

E esse meme vagabundo ficou sólido e compacto.

Hoje sou e dou exemplo de como deve ser.

Abstrato?

Não, eu dou exemplo nesta vida vagabunda, pois vagabundo mesmo é essa vida maldita, cheia de problemas em relação ao diferente.

E eu sou uma pessoa diferente.

Possuo um dissabor na minha válvula cerebral, mas de fato estou antenado com o mundo de forma diferenciada.

Sou portador da síndrome me Tourette.

Estou antenado com a maldita culpa de não ser uma pessoa normal.

Mas quero mesmo que os normais sejam expulsos desse meu jardim de protuberância afetiva, daquelas que somente nós portadores sabemos como definir.

Estou na margem esquerda de tudo.

Meu símbolo afetivo é do amor a todas as pessoas que estão nesta condição de falta de respeito como ser social.

Aqui, firmo o meu testemunho.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s