De tirar o fôlego

Foto por Anni Roenkae em Pexels.com

Percorri diversas vezes o caminho, fui anunciado o vencedor, e me deparei com a divindade em pessoa.

Por mais surreal que possa perecer, estive sempre ao lado da antipatia, de quem me acompanhou, de quem esteve sempre ao meu lado.

Mas eu consegui me sobressair.

Tive lampejos de lucidez neste mundo demasiadamente maluco, obtive a passagem para o outro lado.

De lá, consegui o refúgio necessário para meus questionamentos.

Não posso em hipótese alguma saber quem eu fui num mundo considerado opositor de meus lamentos, não teria chance alguma de progredir.

Intimamente, saí do fluxo de pensamentos negativos, tive dias aprazíveis, ótimos.

Para sempre estarei na memória dos que já se foram, as minhas partes se completam nesse submundo intragável.

Para sempre, alçar vôos maiores.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s