Eu corro por fora

Como sempre, desacreditado por todos, eis que o cavalo azarão chega na reta de chegada em primeiro lugar.

Porque sempre na minha vida tive que correr por fora…

E não me furto de deixar os meus adversários perplexos, não tenho a intensão de magoar ninguém, mas é fato que muitos me escanteiam.

Não tem problemas, corro sempre por fora.

Nunca me desacreditem…

Me subestimar é erro ingênuo.

Estou num nipe elevado, e sei que não me misturar às vezes é negócio fortuito.

Ah essa normalidade fugaz…

Não faço parte dela, não estou em momento de peregrinação com os meus, estou sempre em uma raia diferente, por isso, sou cavalo azarão.

Corro sempre por fora, que fique bem certo.

E sei que já venci muitas corridas deste jeito, sou aclamado por muitos, sou o verdadeiro azarão.

Por isso, corro sempre por fora…

Agora, mais focado no final dessa corrida, me resta esperar…por um pouco de tempo, para alguns resultados saírem.

Sempre, correndo por fora!!!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s