A viola mágica

Ela tocou até onde podia, até que o tocador ficou isolado…isolado do mundo, isolado das coisas belas, amizades fraternas.

Porque a viola ao invés de agradar ao público se tornou raivosa e sedutora?

Disso ninguém sabe…

Ela foi além do que deveria ir, assuntos mal resolvidos na juventude foram postos na mesa.

Até quando a viola mágica teria feito um estrago sem tamanho?

Para sempre, para sempre!!!

O violeiro ficou solitário, a plateia absorta tamanho disparate.

As violas choram fidelidade, mas o violeiro foi infiel, colocou tudo a perder, acabou só…solitário sem respostas, apenas com a culpa de ter perdido o único amigo que possuía.

Infelizes momentos da vida.

A ruptura algo natural, apenas agora catar os cacos, da solidão, sem sentido, o violeiro ficou só, a plateia também.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s