Momentos de transição

Por mais que eu tenha o caminho orientado para o bem do pressuposto do desejo de ser mais, mais quero distância dos que não me fazem bem.

Volta e meia tive a incerteza de tamanha lamentação, hoje sou convicto de que não devo me lamentar, apenas prosseguir firmemente.

Estou certo de que sou o meu herói nos caminhos corretos da lisura.

Se outrora não soube ser profissional, hoje demonstro uma maturidade com certas demandas.

Porque superficialmente estou no lado oposto dos que não resistiram ao sistema.

Mas estendo sempre a minha mão, minhas mãos estarão sempre estendidas para o sórdido perturbado que desgarrou.

Mas…paciência tem limite, e como tem.

Daí levo minha vida, convicto de que fiz o melhor de mim.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s