No supermercado

Como dizer para muitos que eu posso estar aqui?

E ainda vou ver uma grana que vai sobrar no fim do mês para comprar ovo de Páscoa?

E logo dois? Um para mim e outro para minha esposa.

Mas no supermercado as coisas praticamente dobraram de preço.

É aqui que todas as vezes que vou pagar, uma pessoa vem com um saco de biscoito para eu passar.

No supermercado eu vejo coisas e situações surpreendentes, mas me comovo mais com a minha situação de poder comprar, mas não ter na panela e prato da maioria.

Como diria o velho cacique socialista: mas não tem tanta comida, porque não divide?

Como sabem, eu estou no mundo cão, no mundo capitalista.

Eu estou, sim, como sempre, quinzenalmente no supermercado…

E aqui, aguardo soluções para minha espera.

Escrevo sentado numa cadeira esperando a companheira, vagarosamente, escolher os preços mais baixos, pois a economia tem que se fazer presente.

Estou liberto, as compras chegaram ao caixa…tenho de ir!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s