Do sentir

Por um instante a mais.

Por momentos divinos de ventania.

Posso estar seguro de que estive prestes a sentir o sentimento atribuído a minha força, sentimento pleno.

Por um instante estive prestes a conceber a piedade dos mortos, mas sobrevivi aos seus encantos.

E por mais vezes estive prestes a encontrar a minha sóbria tentativa de ser plenamente feliz, no deserto escaldante da minha alma.

O sentir pulsou nas minhas correntes sanguíneas.

E por vezes estive a procurar a minha piedosa benção, e encontrei dentro de um jazido embaixo de sete palmos.

Como poderia estar pleno de convicção?

Sentidos em cima de um recomeço.

Recomeçar um novo sentimento, sempre.

Para toda a eternidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s